Companhia pede que população da região metropolitana economize água. Índice é o menor dos últimos 84 anos.

A falta de chuvas nos meses de dezembro e janeiro fizeram com que a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) emitisse um alerta para falta de água no sistema Cantareira, que abastece a região metropolitana de São Paulo.
O índice de chuva é o menor dos últimos 84 anos, deixando o sistema com apenas 24% da capacidade.

A situação é preocupante porque se trata do terceiro verão consecutivo com volume de chuva abaixo do esperado na região de captação.
É durante o período chuvoso, de outubro a março, que o sistema é abastecido.
Apesar de a empresa não falar em racionamento, essa possibilidade existe, caso não chova o suficiente nos meses de fevereiro e março.
Segundo estimativa da empresa Somar Meteorologia, os dez primeiros dias de fevereiro vão continuar secos em grande parte do Estado.
O Cantareira fornece água potável para 8 milhões de pessoas -42% da região metropolitana. Na capital paulista, apenas a região sul não depende desse sistema.
Neste momento é muito importante a sua colaboração. Economize água.

  • Tome banho rápidos
  • Não lave carros e calçadas com mangueira
    Ensaboe toda a louça antes de enxaguar

Água. Sabendo usar, não vai faltar.

Escrito por Equipe Editorial ESSA

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.